Concurso Nacional de Leitura · Concursos · PNL · RBE

Concurso Nacional de Leitura 2020-21

A 14.ª Edição do Concurso Nacional de Leitura (CNL) decorre entre o dia 1 de outubro de 2020, data oficial de abertura, e o dia 5 de junho de 2021, dia da grande final, em Oeiras, e desenvolver-se-á em 3 fases:

Fase Escolar / Municipal  – Engloba as provas nas escolas/agrupamentos e nos municípios e compreende 2 momentos:

O 1.º momento é da responsabilidade das escolas/agrupamentos do Continente e dos Arquipélagos dos Açores e da Madeira, bem como do Camões, IP e da DGAE/DSEEPE, nas escolas portuguesas e da Rede de Ensino Português no estrangeiro que aderirem a esta iniciativa.

O 2.º momento traduz-se pela realização de provas organizadas pelas Bibliotecas Municipais, dirigidas aos alunos vencedores do momento anterior.

Fase Intermunicipal  – Esta fase congrega os vencedores selecionados em cada um dos municípios para a realização de provas nas Comunidades Intermunicipais ou Áreas Metropolitanas, a decorrer nestas datas.

Fase Nacional  – conta com a participação de todos os parceiros e é constituída por uma prova que apurará cinco finalistas em cada nível de ensino, os quais serão, na cerimónia final, ordenados em função da avaliação de um júri nacional, a constituir para o efeito. Esta fase conta com a parceria e apoio da Câmara Municipal de Oeiras.

Calendarização

07/10 – 19 /10: Inscrição no CNL pelas escolas, no formulário disponibilizado em SIPNL

26/10: Publicação da lista de escolas inscritas

Até 29/10: Divulgação da lista das obras para a fase intermunicipal

29/10 – 22/02: Fase escolar/municipal

23/02 – 24/02: Registo das obras lidas e alunos apurados para a fase seguinte

08/03 – 26/04: Fase intermunicipal

27/04 – 30/04: Registo das obras lidas e alunos apurados para a fase seguinte

Até 07/05: Publicação das obras lidas e alunos apurados para a fase seguinte

19/05: Prova escrita de pré-seleção online

05/06: Final nacional

CNL · Concurso Nacional de Leitura

14.ª edição do Concurso Nacional de Leitura

Estão abertas as inscrições das escolas na 14.ª edição do Concurso Nacional de Leitura, cuja final nacional vai decorrer no dia 6 de junho de 2020 em Oeiras.

Como habitualmente, o CNL desenvolve-se ao longo de quatro fases consecutivas:

Fase Escolar / Municipal – Engloba as provas nas escolas/agrupamentos e nos municípios.

O 1.º momento é da responsabilidade das escolas/agrupamentos do Continente e dos Arquipélagos dos Açores e da Madeira, bem como do Camões, IP e da DGAE/DSEEPE, nas escolas portuguesas e da Rede de Ensino Português no estrangeiro que aderirem a esta iniciativa.

O 2.º momento traduz-se pela realização de provas organizadas pelas Bibliotecas Municipais, dirigidas aos alunos vencedores do momento anterior.

Fase Intermunicipal – Esta fase congrega os vencedores selecionados em cada um dos municípios para a realização de provas nas Comunidades Intermunicipais ou Áreas Metropolitanas, a decorrer nestas datas.

Fase Nacional – conta com a participação de todos os parceiros e é constituída por uma prova que apurará cinco finalistas em cada nível de ensino, os quais serão, na cerimónia final, ordenados em função da avaliação de um júri nacional, a constituir para o efeito.

Regulamento

Acesso ao formulário de inscrição no SIPNL.


O PNL2027 disponibiliza um serviço de apoio, em linha, que possibilita aos professores  responsáveis pelo CNL a colocação de questões. Com este serviço pretende-se criar uma linha de comunicação oficial entre o PNL2027 e todos aqueles que coordenam este concurso nas escolas. Para colocar as suas questões deverá utilizar o endereço de correio eletrónico apoiopnl@pnl2027.gov.pt

CNL · Concurso Nacional de Leitura · PNL · RBE

Concurso Nacional de Leitura 2018-19

13aedCNL.png

Regulamento

A 13.ª Edição do Concurso Nacional de Leitura (CNL) decorre entre o dia 3 de outubro de 2018, data oficial de abertura, e o dia 25 de maio de 2019, dia da grande final, em Braga.

O objetivo central do Concurso Nacional de Leitura é estimular o gosto e os hábitos de leitura e melhorar a compreensão leitora. A iniciativa tem como destinatários alunos dos 1.º,2.º, 3.º ciclos do ensino básico e alunos do ensino secundário.

Cabe ao Plano Nacional de Leitura 2027 (PNL2027) a iniciativa e o desenvolvimento do CNL, ao longo de quatro fases consecutivas:

Fase Escolar – engloba as provas nas escolas, fazendo intervir as Bibliotecas Escolares, com o apoio das Bibliotecas Públicas Municipais;

Fase Municipal – engloba as provas nos municípios, fazendo intervir as Bibliotecas Públicas Municipais, com o apoio das Bibliotecas Escolares;

Fase Intermunicipal – engloba as provas no território das Comunidades Intermunicipais (CIM) / Áreas Metropolitanas de Lisboa (AML) e do Porto (AMP), Regiões Autónomas dos Açores (RAA) e da Madeira (RAM), fazendo intervir as Bibliotecas Públicas Municipais, com o apoio das Bibliotecas Escolares;

Fase Nacional – conta com a participação de todos os parceiros e é constituída por uma prova que apurará cinco finalistas em cada nível de ensino, os quais serão, na cerimónia final, ordenados em função da avaliação de um júri nacional, a constituir para o efeito.

Como em edições anteriores, o PNL2027, com o propósito de dar a esta celebração da leitura e da escrita um caráter mais universal e significativo, articula-se com a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE), com a Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), com o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua (Camões, IP), com a Direção-Geral de Administração Escolar/Direção de Serviços de Ensino e das Escolas Portuguesas no Estrangeiro (DGAE/DSEEPE) e com a Rádio Televisão Portuguesa (RTP), responsável pela cobertura televisiva do evento.

A participação no concurso está aberta às escolas do Continente e das Regiões Autónomas dos Açores (RAA) e da Madeira (RAM), das redes pública e privada que a ele aderirem, através da inscrição de alunos de todos os ciclos de ensino – 1.º ciclo / 2.º ciclo / 3.º ciclo / ensino secundário. Está igualmente aberta aos alunos das Escolas Portuguesas no Estrangeiro (EPE) da área de influência da Direção-Geral de Administração Escolar/Direção de Serviços de Ensino e das Escolas Portuguesas no Estrangeiro (DGAE/DSEEPE) e aos alunos da rede de Ensino Português no Estrangeiro (EPE) do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua (Camões, IP).