Biblioteca digital · Bibliotecas · Ebooks · Escolas · Leitura · Literacia da informação

O triunfo do iPad na Biblioteca

Hoje de manhã recebi uma turma de 7.º ano na Biblioteca, constituída por jovens de 12/13 anos. O objectivo era experimentarem novas formas de leitura em ambiente digital e conhecer o grau de aceitação dos novos dispositivos nos hábitos de leitura.

Os dispositivos utilizados foram o Sony Reader Touch Edition, equipado com mais de uma centena de ebooks, entre os quais muitos de literatura infanto-juvenil (das colecções «Uma Aventura», «Triângulo Jota», etc.) e o iPad, com os mesmos títulos e mais alguns de utilização específica nesta plataforma (Alice para iPad (em inglês), «A Menina do Narizinho Arrebitado» (em português) e «Os três porquinhos» (em inglês e francês)).

A sessão começou pelo e-reader. Os alunos apreciaram a facilidade de utilização, a funcionalidade touch, a qualidade do texto («parece papel») a possibilidade de sublinharem o texto e tomar notas.

Seguiu-se o iPad e o ambiente da sessão transformou-se radicalmente: os olhos brilhantes, as cabeças mais juntas, os dedos mais rápidos, perguntas em catadupa («quanto custa?», «dá para ir à net?», «podemos requisitá-lo?», «dá para escrever?», «podemos fazer aqui os trabalhos?», «onde podemos arranjar estes livros?»).

O e-reader passou a circular apenas pelos que aguardavam a sua vez no iPad. Tenho já quase uma centena de aplicações no iPad, não houve tempo para os alunos experimentarem todas, mas as preferidas foram  os livros (sim, do que gostaram mais foi dos livros, sobretudo dos interactivos), o Google Earth (ver a escola, a sua casa, a casa da avó…), as flahs cards para aprendizagem do inglês (sobretudo as que lhes permitiam gravar a sua voz) e apps musicais.

Concluindo: estou convencido de que o iPad ditará o fim dos e-readers para leitura de ebooks, já que os e-readers apenas ganham ao iPad na duração da bateria e no conforto da leitura para os olhos (apenas valorizável para os nossos hábitos de longas horas a ler, menos pertinente para os hábitos dos jovens, que dificilmente aguentam mais de 45 minutos de leitura seguida). Na biblioteca, pela experiência de hoje, o e-reader apenas será usado quando o iPad estiver ocupado ou acabar a bateria…

Literacia da informação

Top Ten Social Media Competencies for Teachers

And… Top Ten Social Media Competencies for Librarians (by Dean Giustini)

What are The Top Ten Social Learning and Educational Networking Competencies for K-12 Teachers?*

  1. Help students use educational networking tools to solve information problems and communicate digitally with experts, peers and instructors.
  2. Know the major Web 2.0 categories and tools that are useful in the K-12 setting. Know which tools are provided/supported by one’s school.
  3. Use educational networking sites to communicate with teaching peers, students and parents.
  4. Navigate, evaluate and create professional content on networking sites.
  5. Use online networking to create, maintain and learn from a personal learning network – AND their students.
  6. Know the district networking guidelines, follow netiquette, conform to ethical standards and interact appropriately with others, especially students, online.
  7. Understand copyright, security and privacy issues on social media sites and share these understandings with students and professional colleagues.
  8. Understand the importance of identity and reputation management using social media and help students understand the long-term impact of personal information shared online.
  9. Create and follow a personal learning plan to stay informed about developing trends, tools and applications of social media.
  10. Participate in the formulation of school and district policies and guidelines related to educational networking and social learning.
  1. Understand, explain and teach others about the main principles and trends of web 2.0 (and library 2.0)
  2. List major tools, categories and affordances of social networking sites
  3. Apply social media to solve information problems, and communicate digitally with users
  4. Use social networking sites for promotional, reference and instructional services in libraries
  5. Navigate, evaluate and create content on social networking sites
  6. Follow netiquette, conform to ethical standards and interact appropriately with others online
  7. Explain copyright, security and privacy issues on social media sites to colleagues and user communities
  8. Understand the importance of identity and reputation management using social media
  9. Explain related terminology such as collaboration 2.0, remix and open source
  10. Renew social media competencies, advocate for institutional strategies and policies and build evidence base in social media

Read more at doug-johnson.squarespace.com